AMEAÇAS

As pessoas normalmente associam a onça-pintada com o Pantanal. Durante muito tempo esse bioma, junto com a Amazônia, foi um excelente refúgio para as populações dos grandes felinos pintados. Mas não é bem assim. Ainda que o Pantanal seja o bioma mais bem preservado do Brasil, a onça-pintada ocupa apenas 47% do bioma e o tamanho populacional efetivo estimado é menor do que 1.000 indivíduos. Grandes ameaças levaram a uma grande redução de sua área de ocupação nos últimos 100 anos. A caça por retaliação, preventiva e esportiva foram e são o principal problema que leva a redução das populações. Nas décadas de 50 a 80, o comércio de pele levou a uma grande diminuição das onças. E desde que a pecuária chegou ao Pantanal, as onças entram em conflito com produtores rurais ao atacar rebanhos domésticos. Nestes casos, muitos destes proprietários rurais eliminam estes animais, sendo que atualmente essa prática se configura em uma importante ameaça à sobrevivência da espécie. Ainda, atualmente a perda de habitat associada à expansão agropecuária representa também riscos à manutenção de populações viáveis a longo prazo.

Ameaças